Filipa e Catarina

Hoje vamos dar-vos a conhecer as atletas  Catarina e Andreia , que nos vão falar de como a corrida mudou a sua vida.

Foi a primeira vez que ambas as atletas tentaram concluir uma prova com esta distância e o run1stplace.com decidiu acompanha-las neste desafio.

Adiantamos desde já, que ambas atletas superaram com sucesso este desafio! Catarina Bastos conseguiu um excelente tempo de 2h 11m 54s e  Andreia Marques de 2h 3m 58s.

Um aspecto que une as duas amigas tem a ver com o facto de ambas terem encontrado na corrida um forte aliado no combate ao sedentarismo e consequente excesso de peso. Tanto no caso da Catarina, como no caso da Andreia o seu peso diminuiu em mais de 10kg ao fim de alguns meses a praticar corrida.

A corrida e o desporto em geral permitiu a estas atletas uma real mudança de vida. Hoje, com o bichinho da corrida, estabelecem como objetivo para 2013 a Meia Maratona e quem sabe no futuro, talvez uma Maratona!

 

Com vista a motivar os nossos seguidores para a prática do atletismo, decidimos dar-vos a conhecer a história da força de vontade e  determinação destas duas atletas. Para tal preparamos o seguinte conjunto de perguntas ao qual as atletas responderam:

 

 O que vou levou a ganhar o bichinho da corrida?

dorsal

 [CB] Quando comecei em janeiro de 2011, apenas corria para tentar perder peso, mas a medida que o tempo foi passando comecei a gostar de fazer mais kms e mais rápido. O meu namorado também teve influência uma vez que me foi ajudando a melhorar. Então decidi em setembro de 2012 acompanha-lo na corrida do destak e a partir daí quis fazer mais pois vi que era capaz de correr 10km. Agora sou eu que procuro provas para correr! :D

 [AM] Uma amiga que pratica vários desportos e que sabia que eu não estava feliz com o meu excesso de peso convenceu-me a começar a correr com ela. Em pouco tempo vi os resultados quer a nível de peso, condição física e bem estar em geral. Depois comecei a correr com a Catarina. Os objectivos começaram a ser correr mais longe, correr mais rápido... A Catarina começou a participar em corridas organizadas e eu segui-a. O nervoso miudinho que se instala no dia anterior e que nos acompanha até minutos antes da partida fez com que o bichinho viesse para ficar.

 

 Já correm à muito tempo?

 [CB] Desde 2011 mas antes já fazia alguns treinos de corrida por causa do futsal.

 [AM] Com maior regularidade e algum tipo de objectivos há cerca de 3 anos. Com muitas interrupções pelo meio. Mas só desde que comecei a participar em provas (há alguns meses) é que comecei a dar importância a certos detalhes mais técnicos como a respiração, postura, ritmo...

 

 Quantas vezes costumam treinar por semana?

 [CB] Bom na verdade corrida só umas 2 vezes normalmente domingo uma grande distância e as vezes a quarta uma corrida de descompressão. Não tenho muito tempo pois às terças e quintas tenho treinos bi-diários: natação de manhã (50min a 1h) e futsal ao fim da tarde (1h30). Ás sextas jogo futsal com amigos durante 1h-1h30.

 [AM] No inicio, 4-5x semana, treinos nunca superiores a 6 km. Depois, comecei a ter algumas lesões e a fazer ginásio, então os treinos de corrida foram reduzidos para 2-3x por semana. Tento sempre que pelo menos um dos treinos seja feito na estrada, 10 km. No Verão é mais fácil.

 

 Como foi a vossa preparação para este desafio de 20km?

 [CB] Basicamente muitas piscinas e treinos de futsal e domingo fiz uma corrida de 13km em que tentei fazer algumas subidas para treino de força nas pernas.

 [AM] No início do mês comecei a fazer treinos mais regulares na passadeira (agrada-me poder controlar a velocidade e a inclinação) um treino fazia 2h a um ritmo confortável (9.5 km/h), noutro dia 5 km a um ritmo mais acelerado para o meu normal (10.5 km/h), noutro dia ainda fazia séries de subidas ou sprints... Tentei concentrar-me no controlo da respiração e na correcção da postura. Tenho tendência de correr com as costas direitas e dar muito balanço com os braços.  A lombar queixava-se... Depois, no Domingo anterior ao da prova dos 20 km participei na 8ª Corrida António Leitão (10 km) e esse acabou por ser o meu único treino dessa semana. Fui "atacada" por uma crise alérgica, tive febre e sentia algumas dificuldades em respirar. Fiz apenas alguns treinos de musculação, com pouca carga, e caminhadas de 1 h-2 h para o corpo não ficar parado.  

 

 Como é que vos correu a prova? Querem partilhar um pouco connosco as sensações que tiveram ao longo dos 20km?

 [AM] Superei as minhas expectativas! O objectivo principal era correr em todo o trajecto dos 20 km e queria fazer a prova sozinha. Sem dúvida, com companhia é mais fácil, mas se um dia quero terminar uma Maratona vou precisar de uma grande força mental... Estava pouco confiante quanto à minha condição física e falta de treino na semana anterior. Não consegui controlar a respiração como queria, mas comecei os primeiros 5 km a um bom ritmo e o meu cronómetro marcou 28 min. Fiquei mais confiante e passei aos 10 km abaixo de 1h. Senti que os 14 km passaram a voar. Depois veio a subida de Caxias que me abrandou mas não me parou. Procurei pessoas com o ritmo semelhante ao meu e tentei acompanhá-los uns quilómetros. Recebi vários incentivos de outros corredores, do género: estás a ir bem/ mantém o ritmo/ devagar chegas lá/ gere o esforço. Sem dúvida ajudaram-me muito. É este tipo de atitude que torna a corrida um desporto tão especial. Aos 17 km tive que lutar contra a minha própria cabeça. Pensei várias vezes em começar a andar e vi que outros corredores estavam a começar a fazê-lo... Por esse momento decidi correr a um ritmo muito mais lento e confortável. Alguém passou por mim e disse: já está! esta já está no currículo! Repeti para mim própria esta última frase de incentivo, comecei a pensar no apoio do run1stplace e comecei a pensar que ia ficar muito chateada comigo própria se começasse a caminhar antes de cruzar a meta... Terminei sempre a correr com o meu cronómetro a marcar 2h03m40s. Mais longe e mais rápido que alguma corri. E sobretudo, com saúde suficiente para regressar a casa pelos meus próprios meios e contar esta história!

 

 Quais os próximos desafios?

 [CB] Um dia gostava de fazer um triatlo! E a meia maratona é certo!

 [AM]  Qualquer corrida é um desafio porque há muito espaço para melhoria. Nestas próximas semanas gostava de manter a coerência em distâncias já conhecidas e terminar algumas provas com uma média de 10 km/h (ou 6min/km).  Depois, consoante a resposta do corpo, há que pensar a médio-longo prazo e traçar um plano de treinos com mais disciplina. Possivelmente, começar a treinar para uma Meia-Maratona no final deste ano. Gostaria de a concluir num tempo muito próximo das 2h. Só então virá o sonho de qualquer corredor, a Maratona, em 2014. Quando chegar a altura de concretizar esse desafio, quero garantir que estou na melhor condição física possível. Vai ser preciso muita disciplina e treino... 

 

 Como foi referido, vocês são um exemplo de como a prática do atletismo pode melhorar a condição física. Querem falar um pouco acerta disto?

 [CB] Claramente a partir da altura que comecei a correr, primeiro fui perdendo peso e massa gorda (que é o importante) e depois melhorei em todos os níveis. Senti no futsal, pois fiquei muito mais leve e conseguia mexer me melhor. Alem disso decidi ir para a natação e a minha forma física está em altas! :) Posso fazer tudo o que quero neste momento e já não sinto metade do cansaço.

 [AM] Eu era sedentária, não praticava qualquer tipo de exercício há vários anos, não tinha grandes cuidados com a alimentação e estava com cerca de 20 kg de excesso de peso. No início, foi complicado porque tinha imensas  dificuldades, sentia-me cansada rapidamente. Mas com os resultados a aparecer, a motivação foi crescendo e naturalmente vamos querendo mais e melhor. A certa altura, a corrida deixou de ser suficiente. Todos os dias tenho que me mexer, nem que seja uma caminhada. Aquela pessoa que passava horas em casa a ver televisão e a comer deixou de existir. Deu lugar a uma pessoa activa, com mais energia e mais sociável.    

 

O que gostariam de dizer a todos os que acham que não conseguem correr...

 [CB] Não é preciso que seja logo correr, basta que comecem por praticar desporto alguns dias por semana e o importante é que façam o que gostam. A partir daí vai se ganhando confiança, para alcançar muitas metas.

 [AM] Se eu que comecei a correr aos 27 anos, sem qualquer passado desportivo e com um excesso de 20 kg consegui... Voltem a tentar!! Experimentem começar com 15 min, a um ritmo confortável, e aumentem 5 min todos os dias até chegar a 1h30. O bichinho da corrida não tardará a morder e com poucos meses de treino vão conseguir correr mais que 10 km. Se o bichinho não morder, experimentem o ciclismo a natação...O importante é pôr o corpo a mexer!!

  

Para mais detalhes sobre esta mudança run1stplace.com recomenda a leitura do blog

http://20kgamais.blogspot.pt/ 

Provas disponíveis 

(km)< 2142> 42Total
Portugal 629 4 115 748
USA 0 376 0 376
Brasil 62 0 0 62
Canadá 0 56 0 56
Outros 0 51 0 51

Número total 1293 provas disponíveis

Google+